IMPOSTO DE RENDA 2017 → Prazo -【VEJA A DATA LIMITE】


Imposto de Renda 2017 – É um imposto federal brasileiro que incide sobre a todas as pessoas que tenham obtido um ganho acima de um determinado valor mínimo. Anualmente este contribuinte é obrigado a prestar informações pela Declaração de Ajuste Anual – DIRPF, para apurar possíveis débitos ou créditos.


No Brasil o órgão que fica responsável por recolher o imposto de renda é a Receita Federal, onde também tem o dever de averiguar as informações declaradas pelo contribuinte com intuito de avaliar a veracidade desses documentos, o que é chamado de “Malha Fina”.


O que é o Imposto de Renda 2017?

Imposto de Renda 2017Somente a União tem competência para instituir esse imposto. O mesmo cobrado pela modalidade de homologação, onde o contribuinte prepara uma declaração anual de quanto deve do imposto, sendo que esses valores deverão ser homologados pelas autoridades tributarias, podendo ser os contribuintes pessoas físicas ou jurídicas.

A base de calculo do imposto de renda, chamada de renda tributável, é o montante real da renda ou dos proventos tributáveis. Para as pessoas físicas, a base do cálculo são os rendimentos.

As pessoas físicas que ganha salário abaixo do valor estipulado para a declaração se tornam isentas. Para o abatimento do valor do imposto, a pessoa física deve declarar á receita todos os bens que possui, como imoveis e veículos. Despesas com a saúde e a educação também devem ser declaradas.

Para saber como declarar, o contribuinte precisa trabalhar registrado em carteira. Estágios ou bolsas escolares não estão inclusos. A partir do valor mínimo estipulado, a pessoa física passa a contribuir com alíquotas que variam de 7,5% a 27,5% sobre a parcela da renda que exceder determinados limites.

Quem deve declarar?

Imposto de Renda 2017A data para realizar o processo dentro do programa da Receita Federal vem se aproximando, e as duvidas sobre tal declaração só aumenta. No momento de realizar a declaração imposto de renda, muitas pessoas ainda tem dúvidas se devem declarar ou não, a seguir você confere quem entra nessa regra:

  • Contribuintes que tiveram rendimentos tributáveis superiores a
    R$ 28.559,70;
  • Contribuintes com rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40.000,00;
  • Contribuintes que obtiveram , em qualquer mês, ganho ao alienar bens ou direitos sujeitos à incidência do imposto, ou ao realizar operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Contribuintes que obtiveram receita bruta na atividade rural em valor superior a R$ 142.798,50;
  • Contribuintes que, em 31 de dezembro de 2016, posse, propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor superior a R$ 300.000,00.

Como fazer a declaração?

Imposto de Renda 2017Para realizar a sua declaração de imposto de renda 2017 é possível preencher e enviá-la sozinho, baixando o programa da Receita Federal. O programa tem uma série de orientações de preenchimento. No momento de declarar o IR, você deverá acessar o site da Receita Federal através do endereço disponível abaixo:

Quando estiver na página, você terá que localiza o imposto de renda para pessoas físicas e seguir as instruções, logo após será necessário que realize o download do programa e preencha as informações necessárias.

Imposto de Renda 2017

Lembrando você pode selecionar a forma desejada de preenchimento da sua declaração. Você pode começar o preenchimento de uma forma e depois alternar para outra, podendo ser de trê formas sendo elas:

  • Computador;
  • Dispositivo móvel;
  • Certificado digital.

Esta última deve ser utilizado apenas pelo próprio contribuinte, por seus procuradores ou por pessoas devidamente autorizadas, pois terá que informar alguns documentos como:

  • CPF ou CNPJ;
  • Código de acesso;
  • Senha.

Se não ainda não tiver esse código você poderá gerar no mesmo site citado acima.

Caso você sentir dificuldade, para não gerar transtornos posteriores devido algum procedimento feito errado é aconselhável contratar os serviços de um contador.

Prazo

Imposto de Renda 2017O prazo imposto de renda 2017 já foi estipulado pela Receita Federal para a entrega da declaração. Saiba que o informativo referente ao ganhos do ano de 2016, começam a receber as declarações de imposto de renda no início de março, e os formulários devem ser enviados até as 23h59 do dia 28 de abril. Fique atento para não se atrapalhar com a data!

  • A declaração de imposto de renda pode ser feita até 28 de abril!

É importante que você não perca esse prazo, pois acarretará com os atrasos o pagamento de multa.

Vantagens de fazer a declaração no prazo:

Imposto de Renda 2017É muito importante salientar que, os contribuintes que entregar a declaração o mais cedo possível irá receber a restituição imposto de renda 2017 primeiro, ou seja, o pagamento da restituição é de acordo com a ordem de entrega das declaração, quem declarar primeiro receberá na frente.


Outro fato que é importante citar é o da instabilidade dentro do programa. Como a grande maioria dos contribuintes deixam para declarar bem perto do imposto de renda prazo, o programa fica muito sobrecarregado, dificultando a execução do serviço.

Não perca tempo e aprenda a declarar imposto de renda 2017 o quanto antes!

Desvantagens de fazer a declaração fora do prazo:

Imposto de Renda 2017Os contribuintes que procrastinaram e deixaram de declarar seus rendimento do ano anterior sofreram consequências. Quem não realiza a declaração IRPF dentro do prazo estará sujeito a multa por atraso calculadas da seguinte forma:

  • Se existir imposto devido, multa de 1% ao mês – calendário ou fração de atraso incidente sobre o imposto devido, ainda que integralmente tenha sido pago, observados, os valores mínimo de 165,74 e máximo de 20% do imposto devido;
  • Se não existir imposto devido, multa de 165,74;

A multa terá por temo inicial o primeiro dia subsequente ao fixado para a entrega da declaração e por termo final o mês da entrega ou, no caso de não apresentar.

No caso de não pagamento da multa por atraso na entrega dentro do vencimento estabelecido na notificação de lançamento emitida pelo PGD. A multa, com os respectivos acréscimos legais decorrentes do não pagamento, será deduzida do valor do imposto a ser restituído para declarações com direito a restituição.

Restituição

Imposto de Renda 2017A restituição do imposto de renda começa a ser paga por lotes a partir de junho, sendo priorizado o pagamento dos idosos, pessoas com doenças graves, pessoas com deficiência e todos aqueles contribuintes que enviou sua declaração nos primeiros dias do prazo.

O contribuinte poderá verificar se a sua restituição está liberada acessando o site da Receita federal através do endereço:

Imposto de Renda 2017

A consulta lotes da restituição imposto de renda 2017 pode ser feita através de outro método que é feito pelo telefone, basta ligar pra o número 146 e selecionar a opção 3.

Para trazer comodidade e facilidade para vida dos contribuintes a receita criou um aplicativo para dispositivos móveis, podendo ser acessado por Smartphone e Tablets que possuem o sistema Android ou IOS.

Outro meio de ficar ciente de que sua restituição está disponível é através de mensagem SMS, é só cadastrar seu celular para receber gratuitamente a mensagem de texto. É preciso fazer um cadastro uma vez e para efetivar você deve acessar o site da receita citado acima.

Isenção

Imposto de Renda 2017Existe algumas pessoas que ficam isentas do imposto sobre a Renda da Pessoa Física mas devem está enquadradas entre os critérios que a Receita Federal existe, como por exemplo: rendimentos relativos a aposentadoria, pensão ou reforma.

Existe outros critérios para isenção imposto de renda, como pessoas que possuam alguma das seguintes doenças:

  • AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida);
  • Alienação Mental;
  • Cardiopatia Grave;
  • Cegueira;
  • Contaminação por Radiação;
  • Doença de Paget em estados avançados (Osteíte Deformante);
  • Doença de Parkinson;
  • Esclerose Múltipla;
  • Espondiloartrose Anquilosante;
  • Fibrose Cística (Mucoviscidose);
  • Hanseníase;
  • Nefropatia Grave;
  • Hepatopatia Grave;
  • Neoplasia Maligna;
  • Paralisia Irreversível e Incapacitante;
  • Tuberculose Ativa;

Alguns contribuintes estão enquadrados nos critérios citados acima, só que nem todos sabem como usufruir dessa isenção do imposto de renda. Se você ainda não sabe como funciona esse pedido de isenção preste a bastante atenção nas informações a seguir.

O contribuinte deverá procurar o serviço médico oficial da União, dos Estados, do Distrito Federal ou dos Municípios para que ser emitido um laudo pericial comprovando a moléstia, se for possível, o serviço médico deverá indicar a data em que a enfermidade foi contraída, se conseguir, será considerada a data da emissão do laudo como a data em que a doença foi contraída.

Esse laudo deverá ser emitido, pelo serviço médico oficial da fonte pagadora, pois, assim, o imposto de renda 2017 já deixará de ser retido em fonte. Se não for possível, o contribuinte deverá entregá-lo no órgão que realiza o pagamento do benefício e verificar o cumprimento das demais condições para o gozo da isenção.

Conclusão

Imposto de Renda 2017Com base nas informações contidas no artigo, você agora não irá mais cair na malha fina, basta seguir as dicas e ficar atento ao prazo estipulado para realizar a sua declaração de imposto de renda, pois não é legal pagar multas por atraso.

Caso ficou alguma dúvida pendente sobre o imposto de renda 2017, não hesite em nos deixar um comentário que assim que possível iremos te responder. Boa Sorte!

IMPOSTO DE RENDA 2017 → Prazo -【VEJA A DATA LIMITE】
5 (100%) 7 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *